Digimon World - Next Order: Review | Blog eGlu

Review: Digimon World – Next Order

Por

Bruno Heredia

Digimon World game personagens

Os Digimons escolhidos retornam ao Digimundo! Fonte: Bandai Namco

Digimon World: Next Order é basicamente um reboot de Digimon World, jogo lançado para PlayStation 1 no início dos anos 2000. A aventura se inicia com crianças que foram escolhidas para salvar o Digimundo, o mundo digital, da ameaça causada por Digimons máquinas. A principal tarefa dos Digiescolhidos é recrutar e treinar Digimons para combater essa ameaça.

O primeiro objetivo do jogador é escolher dois Digimons bebês e treiná-los até sua primeira evolução para poder ser liberado para explorar o Digimundo. O treinamento é um fator importante e sempre presente no jogo e que fará o jogador gastar algumas horas até conseguir chegar à evolução ideal de seu monstrinho. Para conseguir o monstro perfeito é necessário ter muita paciência. Diversos fatores são levados em conta ao cuidar de seu Digimon, pois eles vão sentir cansaço, fome, sono, tristeza, e tudo isso irá afetar seus atributos na hora de treinar e evoluir.

como cuidar Digimon game

Cuidar dos Digimons leva tempo e é preciso deixá-los felizes. Fonte: PlayStation Store.

Andando pelo mundo é possível encontrar diversos outros Digimons que, na maioria dos casos, vão te atacar. Essas lutas não são fáceis e farão os jogadores suar a camisa para vencê-las. O sistema de combate é simples, permitindo que o jogador controle seus dois Digimons numa arena onde eles andarão por conta própria e cabe ao jogador somente incentivá-los a atacar. O problema é que ao mandar seu monstrinho atacar o jogador deve esperar ele estar com o inimigo a  seu alcance, coisa que pode demorar a acontecer devido à movimentação livre dos monstrinhos, podendo tornar as lutas frustrantes em alguns momentos. Os combates com o tempo se tornam repetitivos e fazem o jogo ficar cansativo.

Digimon world game controle batalha

Sistema de batalha onde dois Digimons são controlados. Fonte: Bandai Namco.

A parte gráfica do jogo oscila bastante. Enquanto temos personagens e Digimons muito bem trabalhados e fiéis à franquia, os cenários são mal desenhados, sem detalhes e com muitos espaços vazios. A trilha sonora, no entanto, é excelente e traz diversas músicas da franquia remixadas.

Para os grandes fãs da franquia vale muito a pena retornar ao Digimundo e treinar seus monstrinhos até conseguir seus Digimons favoritos. Quem não é fã pode achar o sistema de treinamentos do Digimon World – Next Order demorado e as lutas massantes, e por isso pode não aproveitar tudo que o jogo tem a oferecer.

Veja Também

Comentários

Mais Acessados

curta nossa página